10 inovações promissoras que irão mudar o nosso mundo

Da monitorização das emoções humanas à destruição de células cancerígenas

O mundo tem visto um salto quântico na tecnologia durante a última década. Desde o boom dos smartphones e comprimidos até à impressão 3D, inteligência artificial e a cadeia de bloqueios. Como diz o ditado, estas tecnologias vieram para ficar e não só geraram um ou dois hype, como mudaram permanentemente a nossa vida quotidiana e a nossa forma de trabalhar. Estas 10 inovações têm o potencial para moldar o nosso futuro.

O mundo tem visto um salto quântico na tecnologia na última década. Inovações como os smartphones e as pastilhas para impressão em 3D para inteligência artificial e a cadeia de bloqueios têm estado connosco. Como diz o ditado, estas tecnologias estão aqui para ficar e não só geraram o estranho hype, como mudaram permanentemente a nossa vida quotidiana e a nossa forma de trabalhar.

Se a velocidade deste desenvolvimento irá diminuir? Dificilmente penso que sim, antes pelo contrário. Na próxima década, também podemos esperar avanços que hoje nem sequer podemos imaginar.

Aqui estão 10 inovações que têm o potencial para moldar o nosso futuro:

1. Inteligência Costeira Emocional

A própria ideia por detrás da Inteligência Artificial (IA) é replicar capacidades semelhantes às humanas. Do Google Maps aos meios de comunicação social aos aspiradores robotizados. Encontramos IA em todo o lado. A Inteligência Artificial Emocional (ou IA afectiva) vai um passo mais além, recolhendo dados de rostos, vozes, e linguagens corporais para medir as emoções humanas. Por exemplo, o Media Lab do MIT está a desenvolver um dispositivo que pode ser usado para determinar o estado de espírito de uma pessoa através da monitorização dos seus batimentos cardíacos. O dispositivo emite então cheiros diferentes dependendo do estado de espírito do utilizador. Se o utilizador estiver ansioso ou stressado, o aumento dos batimentos cardíacos fará com que o dispositivo emita um cheiro como a lavanda para reduzir a ansiedade.

2. Automóveis com auto-condução

Os carros auto-conduzidos não são novidade e já estão nas nossas estradas há algum tempo. Contudo, os avanços futuros permitirão carros totalmente autónomos e poderão levar a uma das mudanças mais significativas na nossa vida quotidiana. Tesla já tem um modo complexo de piloto automático que pode assumir algumas funções de controlo, mas um dia os fabricantes de automóveis esperam deixar-nos conduzir completamente sem as mãos.

3. Novas inovações de mobilidade, tais como comboios hiper-rápidos.

A Hyperloop, uma empresa apoiada pela Elon Musk, já está a trabalhar num sistema de transporte subterrâneo de alta velocidade que está actualmente a ser testado na América. Espera-se que a viagem de Nova Iorque para Washington D.C. demore apenas 29 minutos em vez de 2 horas e 56 minutos.

Os comboios hiper-rápidos poderiam assim revolucionar não só os transportes públicos, mas também as viagens internacionais. Os carros voadores são outra possibilidade. Já existem muitos desenhos interessantes de carros voadores que mostram que este futuro é uma possibilidade realista.

4. Casas inteligentes

Para mim pessoalmente, os dispositivos electrónicos e as luzes já são inteligentes e controlados por voz há algum tempo. Assistentes como o Alexa já estão a facilitar a vida de muitas famílias. Mas no futuro, as tecnologias domésticas inteligentes assumirão formas muito mais avançadas e multifuncionais. Por exemplo, os investigadores estão a trabalhar num programa que detecta quando se acorda e o ajuda na sua rotina matinal, tal como ajustar a temperatura ambiente e activar automaticamente a cafeteira. Tecnologias que funcionam simultaneamente podem ser mais úteis do que sistemas que só fazem uma destas coisas de cada vez.

5. Predição genética

Hoje em dia, a genética e a genómica estão em rápida evolução. As previsões genéticas podem revolucionar a forma como a medicina funciona. No futuro, as previsões de saúde podem ser feitas em função do genoma de uma pessoa. Doenças tais como doenças cardíacas ou diabetes podem ser previstas, permitindo um tratamento mais rápido. Este desenvolvimento pode preparar o caminho para uma medicina personalizada.

6. Microchips e aumento humano

Com pequenos chips, a biologia e a tecnologia estão a fundir-se. Já hoje em dia, vários milhares de alemães usam um microchip debaixo da pele para tornar a vida quotidiana mais confortável, por exemplo. Por exemplo, os dados médicos ou pessoais podem ser armazenados em tais implantes.

O jogo de role-playing “Cyberpunk 2077” leva os jogadores a um mundo em que os avanços da medicina e da robótica levaram as pessoas a aumentarem, como é óbvio, para se tornarem mais do que humanas.

Apesar de ainda vivermos muito longe de tal normalidade, o uso de membros biotónicos também não é novidade para nós hoje em dia. Os investigadores também estão a estudar como as costas ou os olhos podem ser aumentados no futuro. Um exemplo seria o eSight, que dá às pessoas cegas a oportunidade de verem novamente.

Os exoesqueletos robóticos já estão a ser utilizados pelos militares para dar aos soldados uma força e capacidades extra para facilitar o seu trabalho. No futuro, tais capacidades podem também ajudar as pessoas deficientes a deslocarem-se mais facilmente.

7. Nanorobótica

Um robô, de tamanho mínimo na gama dos micro e nanómetros, utilizado em medicina é a nanorobótica. Serão utilizados para colocar medicamentos no olho no local certo no futuro ou para destruir e detectar células cancerígenas e toxinas, entre outras coisas. Podem também ser utilizados para reparar órgãos ocupados ou realizar procedimentos cirúrgicos complicados, o que significaria menos tempo no hospital, tempos de recuperação mais curtos e também menos cicatrizes.

8. Robótica

Os avanços no campo da robótica são tremendos. A NASA já está a enviar robôs de várias formas e tamanhos para o espaço e os robôs também estão a assumir cada vez mais tarefas enfadonhas, aborrecidas e perigosas no local de trabalho ou em casa a fazer tarefas. A Boston Dynamics está constantemente a trabalhar em máquinas para ajudar os militares e há apenas alguns meses colocou o seu novo cão robótico à venda, o que causou uma grande agitação.

9. Alimentos impressos

A tecnologia também está a revolucionar os alimentos. À medida que a tecnologia de impressão 3D avança, as empresas já estão a fazer experiências com a impressão de alimentos. A carne está a ser cultivada no laboratório sem adição de antibióticos ou hormonas de crescimento e poderá estar disponível já em 2021.

10. Tecnologia verde

Com o aquecimento global, questões ambientais e de recursos, a tecnologia verde poderia ser a solução. A electricidade pode ser gerada a partir de águas residuais ou materiais residuais e novas tecnologias poderiam converter o plástico descartado em material para pavimentar estradas e calçadas.

Muitos países pretendem concentrar-se na tecnologia verde, com países como a Dinamarca, Israel e Suécia a liderar o caminho.

Britta Daffner ist seit über einem Jahrzehnt in der Technologie- und Daten-Industrie zu Hause. Ihr Credo: Innovation und Digitalisierung von Unternehmen vorantreiben – durch Technologie und moderne Führung. Dafür befähigt sie als Practice Leader Data & Technology Transformation in IBM Firmen dabei, das volle Potential aus Daten zu nutzen und unterstützt als Coach Macher*innen, die in der Konzern- und Wirtschaftswelt etwas verändern wollen. 2021 erschien zudem ihr Buch „Die Disruptions-DNA“ (www.disruptionsdna.de), das dazu inspiriert, die Digitale Transformation aktiv mitzugestalten.

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More